Qual diferença Scrapbook Artesanal, Scrapook Digital e Scrapbook Hibrido?


Então meninas.
O Scrapbook Digital é "igual" mas é "diferente" do artesanal (risos)

No Scrapbook Artesanal e no Scrapbook Hibrido

Você compra ou imprimi seu kit e monta projetos
Veja alguns exemplos:

Kit Scrapbook Artesanal:
Alguns kits básico de Scrap, você compra assim coordenado ou você pode imprimi os papéis, fitas, botões, brads(bailarinas), Alphas(alfabetos), Adesivos diversos, flores, carimbos, furadores, apliques e tudo mais que você quizer colocar na sua página.


(créditos)


(créditos)

Scrapbook Hibrído:
Você também utilizará os itens mencionados acima.
Porque o significado de artesanal é qualquer atividade feita manualmente ou com a utilização de máquinas consideradas rústicas. (primárias)
Então para utilizar você precisa ter o material em mãos ok!
Veja um exemplo de kit digital impresso, tudo no quadrinho foi umpresso e colado com muito carinho pela minha amiga Graziella Machado


Scrapbook Digital:

Como o próprio nome já diz DIGITAL sim é um kit também, mas ao invés de você comprar os materiais, você compra o arquivo.

Os kits são separados por tema, com papéis e elementos criados especialmente para cada tema.

Veja um exemplo: (este kit é do CT que eu participo se quizer comprar >>> CLICK AQUI <<<)






O kit se trata de uma pasta de arquivos digitais (dessas amarelinhas que você tem no seu computador). Dentro você encontra essa foto aí de cima (que se chama preview), todos os desenhos que você vê no preview (e às vezes mais alguns que não foram colocados) e os termos de uso da designer que criou o kit.

* A pasta de arquivos digitais: quando você faz o download do arquivo da loja onde você comprou o kit, esse arquivo vem no formato ZIP. Isso significa que a pasta está compactada, ou seja, uma pasta com muitos arquivos dentro está no formato de um único arquivo.
Para abrir a pasta você precisa descompactar o arquivo. Para fazer isso, basta clicar com o botão direito em cima dele e escolher "unzip file" ou "descompactar arquivo".
São várias opções e dentre elas você pode escolher abrir a pasta no mesmo local onde está o seu arquivo zip ou abri-la em outro local - nesse caso, você vai escolhendo o local dentro do seu computador. Por exemplo D:\Meus Documentos\Kits Digitais: a pasta do kit vai abrir dentro da pasta "Kits Digitais", que está dentro da pasta "Meus Documentos", que está no drive D.
Os arquivos dos kits digitais são feitos com 300dpi de resolução para garantir uma boa impressão (as fotos que você coloca em páginas online normalmente ficam com 72dpi, para que a página possa carregar normalmente - por isso ficam pequenininhas ou distorcem quando você aumenta e imprime)

* Os desenhos que você vê no preview: são arquivos independentes que estão dentro da pasta amarela que você abriu.
As figuras, lacinhos, botões, etc, estão em formato PNG, o que significa que nesse arquivo o fundo é transparente e que você pode colocar essa imagem em cima de outras imagens - ela está "recortada" (nem todo arquivo PNG tem fundo transparente, mas nos kits de scrapbook digital TODOS elementos têm!!)
No fundo do preview você pode ver um pedacinho dos papéis (sim, papéis digitais!). São arquivos em formato JPG no tamanho de uma folha de scrapbook padrão, 30,5x30,5cm (mais precisamente, 3600x3600 pixels). Isso significa que se você imprimir no tamanho original, você terá um lindo papel para trabalhar em seus projetos de scrapbook artesanal/ híbrido como mensionados a cima.
Depois que você descompactar você verá que dentro da pasta apareceram todos seus arquivos.


* Os termos de uso da designer que criou o kit (TOU): esse com certeza é o conteúdo mais importante! ANTES de comprar um kit, você deve ler atentamente se aquele kit pode ser usado para a finalidade que você quer, pois é a designer que define a extensão da licença de utilização das imagens. E em um mundo digitalizado onde quase tudo se copia, é legal ficar atento ao que diz a Lei em relação ao uso indevido de imagens e à citação dos créditos de autoria. Mas o que isso tem a ver com aquelas letrinhas que aparecem nos previews dos kits digitais?? Isso é para facilitar a identificação da licença de uso concedida para aquele kit específico. Ainda assim, tem que entrar nos termos de uso (TOU) da designer para verificar a extensão dessa licença.

Veja os termos de uso desse kit da Vika por exemplo:


E pra que serve um kit digital? O que eu faço com essas imagens?

* Se você é scrapper e gosta de fazer páginas, é só escolher um papel digital para o fundo, cortar alguns pedaços dos outros papéis e arrumar tudo junto da mesma forma que você faz normalmente com uma página "Artesanal/ Hibrída". O bom é que tanto os papéis quanto os elementos seguem uma paleta de cores e ficam lindos juntos! Você vai precisar de um programa de edição de imagens para fazer essa sobreposição, como o photoscape, gimp, Photoshop, Corel entre outros, ainda que já ouvi dizer que algumas pessoas fazem suas páginas no Power Point!
Veja a página que eu produzi com este kit lindo, uma homenagem a minha amiga linda Mirela


* No caso de permissões S4H/S4O, muitas vezes isso te dá permissão para criar outras artes digitais, como convites por exemplo, e vender em sua loja pessoal (normalmente as que são hospedadas nas plataformas Tanlup, Elo 7 e Iluria, voltadas para pequenos negócios familiares). Para decoração de blogs e páginas web, na maioria das vezes é necessário obter autorização por escrito da designer. Por isso é tão importante ler os termos de uso (TOU) - muitas vezes você já encontra a permissão para o que precisa ali e nem precisa pedir permissões adicionais!!
(créditos)


CURIOSIDADE DO SCRAP DIGITAL!
Entenda algumas palavras que as vezes as Scrapper's falam e você fica curiosa para entender rsrs
Agora já sabe!

Designer – Está cria os kits, os elementos, papers, alphas, etc.
Scrapper – Está faz a montagem de páginas de scraps.
Sampler – São amostras dos produtos.
Freebies - Kits gratuitos.
CT – Creative Team, é um grupo de criação, formado por scrappers, que trabalha para designers, com o objetivo de divulgar os kits, fazendo páginas de scrap.
CT Call – Chamada para seleção do grupo de criação.
Créditos - Informação da página de scrap, de quem é o paper, elementos, fontes, etc.
ABR - Ferramenta "Brush" nativa do Photoshop, são pincéis.
Action – São ações gravadas no photoshop, facilitam muito e tornam o trabalho mais prático e rápido.
Bow – São os laços.
Ribbon – São as fitas.
Cardboard – É o papelão, muitas vezes aparecem meio rasgadinhos.
Corners – São as cantoneiras, usadas para prender a foto.
Crumple - Efeito "Amassado".
Doodles – Desenhos feitos a mão.
DPI - dots per inches (pontos por polegada) - Resolução de imagem para impressão.
Embellishment – São os enfeites.
Eyelet – Ilhós.
Fibers – Fibras.
Ric-Rac – São as sianinhas.
Flowers – Flores
Stitch(es) - Costurinhas, alinhavos e bordadinhos.
Tag - São aquelas etiquetas em vários formatos e tamanhos, muito usadas para enfeitar os LOs, escrever pequenos journalings, com monogramas estampados etc.
Frame - Moldura
Free Style – É um estilo de layout, sem definição prévia, não precisa ter estilo certinho.
Shabby – É o efeito envelhecido nos scraps, meio sujinho.
Journaling – é o texto do layout, pode ser uma música, poesia, ou frases que inventamos, também necessita de créditos.
Templates - Arquivo em formato PSD (Photoshop) formado por diversas camadas e usado para criar layouts.
LO – Layout, a nossa página de Scrap.
Mask - Máscara
MP - Mensagem Privada
PAP - Passo-a-Passo
Paper Clip - Clipe para papéis.
Plugin – são programas que associados a outros (como o ps e psp) desempenham certas funções, o objetivo é a praticidade de obter resultados.
PPI - Points per Inch (pontos por polegada) - Resolução de imagem para tela do computador.
PS - Photoshop
PSP - Paint Shop Pro
Quick Page - é um layout semi-pronto, onde só é preciso colocar a foto e o journaling.
Scraplift – Lift significa copiar, no caso do scrap, é quando nos inspiramos em alguns layouts para fazermos os nossos, temos que dar os créditos dos lifts.
Sketch - É o esboço ou rascunho que criamos antes elaborar uma página. Nele definimos como ficarão dispostos títulos, fotos, journaling, enfeites etc. O mesmo sketch pode se usado como exemplo para diferentes páginas.
Tearing - Efeito "Rasgado"
Tuto - Tutorial
TOU - Terms of Use – São os termos de uso que acompanham os kits, nele poderemos saber o que podemos ou não fazer com os kits.
Wordart – são frases com toque artístico.
(créditos)


Bom, acho que é isso!
Se tiver alguma dúvida é só deixar aqui nos comentários que eu respondo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...